21 razões para construir com madeira

28 de junho de 2016

Arquiteto inglês apresenta motivos para investir em construção sustentável 

O portal Wood for Good, que foi criado com o intuito de promover o uso da madeira no Reino Unido, realizou na terça-feira, 28, em Londres, na Inglaterra, a conferência “A Casa da Madeira Sólida”. A proposta do encontro foi falar sobre os diferentes tipos de estruturas de madeira que estão surgindo ao redor do mundo para promover a aplicação de uma tecnologia avançada que envolve essa matéria-prima. Além disso, a ideia também foi mostrar outros benefícios da madeira além do já conhecido sequestro de carbono. Um dos palestrantes foi o arquiteto inglês Alex de Rijke, fundador do escritório de arquitetura dRMM, com sede em Londres. Entre os pontos abordados na palestra intitulada “O futuro – o que vem a seguir para as casas de madeira sólida?”, Rijke trouxe 21 razões que justificam por que se deve construir com madeira:

1 – Sustentabilidade – carbono zero;

2 – Rapidez – a montagem dos painéis de madeira é muito mais rápida;

3 – Precisão – a máquina CNC, de corte e modelagem para pré-fabricados, é bastante precisa;

4 – Apurado controle de qualidade, já que os painéis são produzidos em fábrica;

5 – A madeira é mais leve que a alvenaria e o concreto, com menos fundações;

6 – O transporte e a armazenagem são eficientes, porque as partes são divididas em blocos;

7 – A estrutura é contínua, com partes integradas;

8 – Solidez, porque a força não é dependente das articulações;

9 – Operações limpas, secas e não tóxicas no local;

10 – Procedimentos simples no local, sem necessidade de profissionais especializados;

11 – Utiliza qualquer lugar para a superfície, o que a torna “amiga” do construtor e dos projetos no estilo “Faça você mesmo;”

12 – Os serviços podem ser previamente integrados ou feitos no local;

13 – Os materiais são flexíveis, ou seja, podem ser mudados facilmente no local;

14 – A estrutura é o acabamento – sem surpresas no final;

15 – Acabamentos são fortes e duráveis, mas podem ser reparados se necessário;

16 – Conforto térmico, porque a construção com madeira tem suas próprias propriedades térmicas, exigindo menos isolamento;

17 – Superfície sofisticada e interessante para o toque;

18 – Segurança – produtos não são alérgicos e a construção não oferece riscos à saúde;

 19 – Cor intrínseca que pode ser mudada facilmente;

20 – A madeira é compatível com outros materiais e fácil de se conectar;

21 – Forma mais atraente do que o aço ou o concreto.

Além desses motivos, o arquiteto inglês disse, ainda, que “a ironia de uma boa construção de concreto é que ela começa com um bom carpinteiro”.

Este evento foi o último de uma série de encontros chamada “O uso da madeira nos projetos de habitação modernos”. A primeira conferência aconteceu no início de maio, em Edinburgo, na Escócia, e falou sobre “As casas de madeira inovadoras”. No segundo encontro, realizado em Sheffield, na Inglaterra, no fim de maio, o tema principal foi “Casas de madeira pré-fabricadas”. Já o penúltimo evento, que aconteceu no início de junho, em Bristol, também na Inglaterra, o assunto foi “Clientes constroem casa de madeira”.

Por Maureen Bertol para o Portal Madeira e Construção com informações do Wood for Good

Foto: material de divulgação Wood For Good

Compartilhe
Voltar para Notícias

Cadastre seu email e receba nossa newsletter