Estrutura de madeira dará vida a prédio alemão, que será transformado em museu

2 de Janeiro de 2019

Escritório de arquitetura dinamarquês venceu um concurso para reformar o edifício em Berlim

A madeira estará presente na remodelação do edifício Marinehaus, em Berlim, na Alemanha. O prédio, que ficou fechado por cerca de duas décadas, será transformado em museu após uma reforma e fará parte do grupo Stadtmusem. Para isso, foi realizado um concurso para o projeto para as obras do espaço. O escritório de arquitetura ADEPT, da Dinamarca, venceu a concorrência.

O Marinehaus foi construído originalmente para ser um clube sindical para oficiais navais, localizado no bairro Mitte, e não recebeu os cuidados devidos nos últimos anos. O objetivo é remodelar a estrutura do edifício para levá-la do século XX aos dias atuais, tornando-a em um novo museu, dentro do esforço de Berlim em ofertar cada vez mais opções culturais. Isso também ajudará a fortalecer a região como uma zona cultural na cidade.

(Foto: ADEPT)

O projeto elaborado pelo escritório ADEPT tem um layout flexível, que abrange atividades culturais e um centro comunitário para os moradores do bairro, dentro de um “novo tipo de museu”. A proposta vem no conceito “casa na casa”, avaliado como simples pelos arquitetos, que consideram a reformulação do Marinehaus como algo cuidadoso. Para eles, este conceito cria sinergia entre a comunidade, as novas funções do edifício e a própria história existente ali, já integrada no contexto urbano na região.

O projeto prevê a instalação de uma nova estrutura interna de madeira, pois os pisos existentes estão em más condições depois de tantos anos de desuso. Aproveitando isto, o projeto prevê um diagrama interno simples, com camadas escalonadas. Isto vai permitir conexões visuais entre os pisos, revelando a estrutura feita para o museu e gerando uma identidade de aproximação e calorosa com o projeto.

(Foto: ADEPT)

“A nossa proposta abrange a construção e a visão urbana: uma nova estrutura interior flexível que cria espaços para atividades culturais e para a comunidade local e, ao mesmo tempo, uma reutilização respeitosa do edifício protegido”, descreve a equipe responsável pelo projeto.

(Foto: ADEPT)

Conforme divulgação do escritório de arquitetura ADEPT, o diretor do Stadtmuseum Berlin, Paul Spies, elogiou o projeto vencedor do concurso pela “maneira de criar uma contribuição aberta e convidativa para a vida pública na cidade, abraçando tanto a vida cotidiana como as comunidades culturais”. Paralelamente, de acordo com ele, “a proposta vencedora sublinha a visão de um laboratório urbano inovador, enfocando os muitos aspectos de Berlim como cidade”.

(Foto: ADEPT)

As obras no Marinehaus devem começar em 2022 e terminar em 2025. O piso térreo será aberto ao público em geral e vai abrigar eventos, workshops e exposições. Os demais andares terão estúdios e espaços para oficinas.

Por Portal Madeira e Construção com informações do ArchDaily e ADEPT

Compartilhe
Voltar para Notícias

Cadastre seu email e receba nossa newsletter