Madeira leva elementos rústicos e modernos à casa de veraneio nos Estados Unidos

16 de Janeiro de 2019

Projeto de residência localizada no lago Montauk mostra a versatilidade dos produtos da madeira

A madeira aparece em diferentes formas nesta residência de veraneio no lago Montauk (Nova York), nos Estados Unidos. Ela está tanto no revestimento da fachada da casa quanto na parte interna, provando, mais uma vez, a versatilidade em seu uso. A madeira também traduziu a conexão desta residência com a natureza. Neste projeto, a madeira foi utilizada com e sem tratamento, pintada, nas paredes e no teto.

(Foto: Michael Moran)

Segundo a equipe responsável pelo conceito, elaborado pelo escritório Robert Young Architects, os proprietários não quiseram, apesar de comprarem dois lotes adjacentes, construir uma grande casa, e sim uma casa principal e outra de com uma dupla funcionalidade: uma casa de hóspedes e uma garagem. O projeto contempla vistas panorâmicas do lago e maximização dos espaços internos e externos, no intuito de captar sol e da brisa do verão.

(Foto: Michael Moran)

Os responsáveis pelo projeto decidiram escolher materiais naturais para a residência, e a seleção foi baseada em como eles vão se comportar com o tempo. Por isso, foram colocadas pranchas de cedro largas e ásperas no exterior da casa, mas sem tratamento. Segundo os arquitetos, o sol vai descolorir a madeira, dando um ar de envelhecido para ela. Tudo isso é proposital.

(Foto: Michael Moran)

No interior da residência, a madeira aparece entre tons naturais e o branco. Há espaços inteiros de madeira pintada de branco, inclusive treliças sólidas e o teto feito com este tipo de produto, levando modernidade ao local. Em outras partes da casa, existe a mescla com a neutralidade da madeira. Para a equipe responsável pelo projeto, este “jogo” cria uma estética que se torna, ao mesmo tempo, serena e ativa.

(Foto: Michael Moran)

O trabalho com a madeira também permite levar ao ambiente diferentes texturas, ao usar tábuas de madeira pintadas, lisas e ásperas. Isso também acontece com a combinação da madeira com outros elementos naturais.

(Foto: Michael Moran)

O projeto ainda contemplou a instalação de pisos de madeira, feitos de carvalho branco, o que dá a sensação ao ambiente de um tom “ainda mais cru”. Conforme a descrição da equipe responsável pela proposta, isso favoreceu ainda mais a interação da arquitetura com a natureza.

(Foto: Michael Moran)

Por Portal Madeira e Construção com informações do ArchDaily

Compartilhe
Voltar para Notícias

Cadastre seu email e receba nossa newsletter