Norma técnica para sistema construtivo de casas com madeira em consulta pública

27 de janeiro de 2021

A expectativa é de que com a normalização, seja possível gerar escala de negócios de construções com madeira no país

Está em consulta pública nacional desde ontem, dia 26 de janeiro, a norma técnica para o sistema construtivo wood frame que utiliza produtos de madeira na construção. O texto fica disponível para avaliação até dia 24 de fevereiro. Na avaliação da Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), que acompanhou todo o processo e tem liderado o desenvolvimento dessa e de outras frentes sobre o uso da madeira na construção civil no país, é um passo importante para que, em breve, o modelo construtivo ganhe escala. Por ser um modelo construtivo industrializado, reduzindo o tempo em canteiro de obras, o sistema é visto como uma solução para atender parte do déficit habitacional brasileiro. A Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2019 mostra que faltam, no país, 7,7 milhões de habitações.

Para o presidente da Abimci, Juliano Vieira de Araujo, as indústrias da construção e de madeira estão diante de novas oportunidades. “Estamos diante de um momento para consolidar esse método construtivo eficiente, sustentável e que há décadas vem sendo utilizado em diferentes países do mundo. Os fabricantes de produtos de madeira estão acompanhando essas transformações e se preparam para atender esse novo nicho. Há uma chance real de aumentarmos o consumo per capita de madeira no mercado interno”, afirma.

O wood frame se apresenta como uma oportunidade para o setor industrial madeireiro no mercado interno, já que inúmeros produtos podem fazer parte do projeto. “É um avanço significativo que irá colocar a indústria de produtos de madeira em um novo patamar no mercado da construção, incentivando a inovação e a possibilidade de financiamento de construções nesse sistema”, acredita o presidente.

Para o coordenador da Comissão de Estudo, o engenheiro civil Euclesio Manoel Finatti, hoje é um dia importante para o setor da construção civil. “A construção civil está dando mais um passo para o seu desenvolvimento no país. Na consulta pública será possível avaliar esse trabalho feito por mais de 200 pessoas”, afirma.

Com a participação de muitos interessados no tema, a Comissão contou com a contribuição de profissionais que se dividiram em quatro grupos de trabalhos: materiais, projetos, execução e desempenho. O objetivo foi envolver construtores, fornecedores, universidades, laboratórios, agente financiador, entre outros, para definir uma norma adequada à realidade brasileira.

A ABNT NBR 16936 foi elaborada no Comitê Brasileiro da Construção Civil (ABNT/CB-002) com a participação do Comitê Brasileiro de Madeira (ABNT/CB-31), este último sob gestão da Abimci. 

Para participar da consulta pública é preciso se cadastrar no site da ABNT pelo link www.abntonline.com.br/consultanacional/login.aspx.

Fonte: Abimci – Assessoria de Imprensa Interact

Compartilhe
Voltar para Notícias

Cadastre seu email e receba nossa newsletter